Bola de fogo

image

Realidade.
Apenas um dia como outro qualquer
Na página em branco da vida que segue.
A chuva caiu durante o repouso noturno e o chão ainda estava molhado para nos lembrar que a vida continuava enquanto dormíamos.
O sol ainda brilhou, no florescer do novo dia, para nos lembrar que os nossos problemas não são tão importantes quanto pretendemos.
E a bola de fogo, mais uma vez, voltou a se mostrar, com todo o seu poder, no ciclo incessante do planeta terra.
Não, o sol não vai apagar, as nuvens não irão secar e as águas do rio não voltarão a ser as mesmas porque ordenamos que o mundo caia.
Uns dias serão bons e outros nem tanto assim.
Cada um com sua bagagem, umas mais leves e outras mais pesadas,
Mas cada um com a sua bagagem na ininterrupta vida que segue infinita.

Você também pode se interessar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *